Blog : Tecnologia

Mais 11 celulares devem ganhar suporte ao Daydream VR, promete Google

Tecnologia

Sundar Pichai em pessoa confirmou há alguns dias que a Google continua comprometida na popularização de sua plataforma de realidade virtual. Perto de completar um ano de existência, o Daydream VR parece não ter conquistado o público ou o mercado como era esperado pela empresa. Ainda assim, o chefão da marca garantiu que ao menos mais 11 dispositivos com suporte à tecnologia devem chegar ao mercado até o final deste ano.

O comunicado foi feito durante uma conferência do CEO com os acionistas da Alphabet e mostram que a aposta no sistema VR não deve desandar tão cedo. O executivo não deu nomes aos bois, mas a notícia é mais do que boa para quem, até agora, só tinha meia dúzia de opções para usufruir do kit Daydream View – composto de um headset de tecido bem mais leve e confortável que suas contrapartes para PCs e de um controle em miniatura.

Até agora, era preciso ter em mãos dispositivos como Pixel, Pixel XL, Moto Z, Huawei Mate 9 Pro, Huawei Mate 9 Porsche Design ou ZTE Axon 7 para mergulhar de cabeça no mundo virtual criado pela Google. Já se sabe também que fãs da ASUS e da Samsung devem fazer parte dessa lista VIP muito em breve, com a adição da plataforma à dupla Galaxy S8 e Galaxy S8+ e ao vindouro Zenfone AR.

Não se sabe se esses últimos modelos fazem parte dos 11 aparelhos mencionados por Pichai – que, com toda certeza, deve contar com as novas edições da família Pixel – ou mesmo se a Google pretende ir além de tops de linha para ampliar a base de usuários do Daydream. A estratégia de colocar produtos de outros segmentos no pacote pode ser essencial para que a empresa de Mountain View faça frente aos avanços da Apple em outro setor promissor: o de realidade aumentada – que pode ser alavancado com a chegada do ARKit.

Voltar

Direciona a página Anterior

Acompanhe os Comentários

Faça seu comentário também

0 Comentários